Remax
Escola Internacional
Sem categoria

Lóssio sai em defesa de Dilma e volta a criticar Eduardo


20131230-200916.jpg

Ao criticar a Presidente Dilma pela não efetivação de uma Medida Provisória, o Governador Eduardo Campos olha para a Presidente e esquece-se de olhar para si próprio.

De fato, o crescimento acelerado e desordenado de nossos centros urbanos tem produzido uma série de ocupações irregulares que, no período chuvoso, de modo especial quando chove acima das médias esperadas, produz grandes transtornos.

Querer fazer acreditar que uma Medida Provisória idealizada pelo ex-Ministro Fernando Bezerra poderia evitar a tragédia que assola o Estado do Espírito Santo, que por sinal é governado pelo PSB, chega a ser desrespeitoso com a Presidente e até com o povo capixaba.

Se o ex-Ministro fosse de fato comprometido com ações de prevenção a enchentes, não teria permitido a aprovação de vários loteamentos em Petrolina, os quais, a cada chuva, produzem graves transtornos à população, em decorrência da ocupação de córregos de drenagem natural.

Esquece o Governador que, durante as chuvas que atingiram a região da Mata Pernambucana produzindo grande desastre, a Presidente foi extremamente solidária tendo, inclusive, autorizado através do programa Minha Casa Minha Vida a contratação de 17.149 unidades habitacionais.

Contudo, o Governo do Estado não cuidou bem do seu dever de casa e, por ineficiência administrativa, até momento, só conseguiu entregar 5.159 unidades.

Só falta agora o Governador dizer que sugeriu à Presidente Dilma que ligasse para São Pedro para discutir os locais e as quantidades de chuva.

Elielson Lima 30 dez 2013 - 23:10m

Comentários

Pesquisar

Curta no Facebook

Publicidade

 

 

Arquivos do Blog