Governo – Pandemia não acabou
Sem categoria

Cidadania: Direitos ou deveres ?


cidadania

A palavra cidadania, está bem presente nos dias atuais,em diversos discursos,principalmente no congresso nacional e em outras instituições, porém este termo acaba se tornando de muita importância para se discutir assuntos pejorativos como: Direito do cidadão, direitos humanos,consumidor. Sem esquecermos que este termo também é de muita valia para qualquer cidadão,conhecido ou não de uma determinada sociedade. De certa forma,faz sentido a mistura dos significados uma vez que a história da cidadania se confunde-se com  a história dos Direitos humanos, a história da lutas de pessoas que lutaram e lutam por melhores valores éticos e melhores condições de vida, sem deixar de lado alguns direitos reivindicados, como liberdade,dignidade e igualdade de todos os seres humanos.

No Brasil,os primeiros esforços para  a conquista e estabilidade dos direitos humanos e da cidadania se confundem-se com os movimentos patrióticos onde se reivindicaram a liberdade para o País, onde há vários exemplos deles; Inconfidência Mineira,Guerra de Canudos, a abolição dos escravos, e já na república,as alternativas democráticas, verdadeiros dilemas sociais e de história s de sacrifícios, e muitas vidas humanas.

E hoje, a quantos anda a nossa cidadania?

sociedade1

A partir da constituição de 1988 como instrumentos foram colocados á disposição daqueles que lutam por um país mais cidadão. Enquanto consumidor, o cidadão brasileiro ganhou uma lei em sua defesa o CDC; temos como código de trânsito, um novo código de defesa do consumidor e outros, sem esquecermos nas famosas ONGS, que de certa forma tem se empenhado muito em fazer seu papel,na luta em defesa do meio ambiente e a favor da cidadania.

A exemplo deste que acabei de citar também tem a ação cidadania contra a fome e a miséria e pela vida; Movimento pela ética na Política, memorável a ação dos caras pintadas que foram as ruas do país para que fossem pedido o Impeachment do presidente Fernando Collor de Melo.

Com todos esses atributos o termo cidadania parece ter caído nas graças daqueles que têm na comunicação o instrumento de trabalho, como certos políticos e dirigentes, consumidores, sociólogos etc. A cidadania esteve e está, em permanente construção da sociedade,e é, um referencial de conquista da humanidade, principalmente aqueles que buscam mais direito, maior liberdade, melhores garantias individuais e coletivas, e, não se conformam frente ás dominações arrogantes ou pessoas que não desistem de seus privilégios de opressões e de injustiças contra a maioria desassistida e que não se consegue fazer ouvir, exatamente por que se lhe negam a cidadania plena e cuja conquista, ainda que tardia, não será obtida.

Elielson Lima 17 fev 2014 - 1:38m

Comentários

Compesa

Pesquisar

Publicidade

Curta no Facebook

Arquivos do Blog