Governo – Pandemia não acabou
Sem categoria

Priscila afirma que camarotes da Prefeitura no Galo não foram licitados


priscila-na-camara-rota2

A vereadora Priscila Krause (DEM) questionou, na tarde desta terça-feira (25), na Câmara Municipal do Recife, a forma de contratação da empresa para montar a estrutura da Central do Carnaval, espaço provisório montado pela Prefeitura para o período, no Marco Zero.

A parlamentar da oposição denunciou que a licitação, avaliada em R$ 2,12 milhões, sob a responsabilidade da Fundação de Cultura Cidade do Recife, foi revogada no último dia 12 por “interesse público”. O espaço, no entanto, está sendo construído exatamente como previsto no termo de referência do edital cancelado, conforme informações do Portal de Compras da PCR.

De acordo com a assessoria da vereadora, a Central do Carnaval é composta por camarotes oficiais, camarins do prefeito e do governador, sanitários super-luxo, fachada frontal, fachada lateral, climatização, arena gastronômica, núcleo de comunicação e apoio, lojinhas, estandes e núcleo de turismo Eu Amo Recife, por exemplo. A licitação também abrangia toda a decoração e sinalização, assim como a cessão do mobiliário do espaço.

“Estou na tribuna para que o governo se habilite a dar uma explicação administração e plausível para que não fiquem dúvidas em relação a um espaço que existe nos no Carnaval do Recife e que é, em nome da boa administração, licitado ano a ano”, afirmou Priscila.

Na visita que realizou ao local, Priscila encontrou a Arena Gastronômica completamente montada, enquanto os demais espaços, como o camarote do prefeito e o Núcleo de Comunicação passam pelos ajustes de acabamento. “Carnaval nós temos todo ano e Central do Carnaval também, ou seja, a realização da licitação é uma fase obrigatória e me parece estranha qualquer justificativa para não realizá-la. Agora vamos aguardar as explicações”, concluiu

Elielson Lima 25 fev 2014 - 22:02m

Comentários

Pesquisar

Publicidade

 

Curta no Facebook

Arquivos do Blog