Governo – Pandemia não acabou
Sem categoria

Dilma condena mentiras e critica Marina


Na segunda visita a Minas Gerais em 10 dias, a presidente e candidata à reeleição, Dilma Rousseff (PT), escolheu Ribeirão das Neves, na região metropolitana, para pedir o voto dos mineiros. Em breve discurso feito do alto de uma caminhonete – de onde partiu para uma carreata –, a petista pediu aos eleitores que não se deixem levar por “mentiras” divulgadas por campanhas adversárias.

“Falta pouco para as eleições, elas são daqui a 13 dias. Nesses dias temos que parar para pensar. Temos neste momento muita gente que continua faltando com a verdade e dando informações incompletas”, reclamou a candidata, justificando que falava também pelo candidato a governador Fernando Pimentel, que se recupera de uma faringite. “Quem combate a mentira é a verdade”, emendou Dilma, que prometeu voltar à cidade depois das eleições para comemorar a vitória dela e de Pimentel e firmar parcerias em benefício do município.

Aproveitou para criticar a adversária do PSB Marina Silva, que segundo ela quer enfraquecer o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). “Tem gente que é contra o financiamento dos bancos públicos, quer retirar ou diminuir o papel dos bancos públicos. A candidata Marina propõe isso no seu programa. Essas obras só são viáveis porque o BNDES e a Caixa Econômica Federal são agentes de financiamento”, argumentou a candidata.

Elielson Lima 23 set 2014 - 12:45m

Comentários

Compesa

Pesquisar

Publicidade

Curta no Facebook

Arquivos do Blog