PCR – COVID
Governo de Pernambuco – Use máscara 1
Opinião

#Opinião Uma eleição sem favorito


Por Elielson Lima, editor do Blog

Tenho conversado com muita gente sobre política nessas últimas semanas de campanha, uma pergunta que me fazem, chegando a ser unânime é: quem vai ganhar essa eleição? Não sou nenhum cientista político, sempre deixo isso claro, embora que o ditado diz que “de médico e de doido, todo mundo tem um pouco”, pena que esqueceram de colocar técnico da seleção brasileira e cientista político.

Como não fujo a essa regra, dou meus palpites para o pleito do próximo domingo. Na minha opinião, não temos o favorito ou favorita para ganhar a eleição. Primeiro, porque existe pesquisas para todos os gostos e cenários diversos, uma com empate técnico; outras com Dilma largando na frente; sem esquecer e não menos importante outras com Aécio liderando a corrida. Na minha singela ignorância pergunto, até que ponto posso confiar nas pesquisas? Só essa pergunta dar um outro texto, que prometo publicar aqui amanhã.

Continuando, as campanhas tucana e petista nesse segundo turno – melhor desde do início da corrida eleitoral – não foram muito diferentes, ataques, ataques e contra-ataques, resumo. Com exceção, do ringue que se montou entre Lula x FHC, os ex-presidentes por ora se tornaram centro do debate, desqualificando e enfraquecendo o pensamento sobre o futuro do país, sobressaindo a vontade clara da “paternidade” do programa A ou B, das obras Y ou Z,  e quem foi melhor? Nós não vamos votar nesses dois? Ou vamos?

Contudo, vi um Aécio mais governador de Minas que candidato a presidente, por sua vez uma Dilma muito mais ministra de Lula do que mesmo uma candidata a reeleição. A dois dias da eleição, sinto um gostinho de que a campanha do segundo turno passou e não ficou nada de novo, nada de acréscimo.  É tão provável, como falei antes, que nessa altura do jogo, não temos de forma clara quem será vitorioso ou vitoriosa – respeitando os gêneros.

Por fim, me resta esperar que a maioria dos votos computados depois de amanhã possa levar o Brasil a um patamar muito maior e melhor do que vivemos ao longo desses quase quatro meses.

 

Elielson Lima 24 out 2014 - 20:35m

Comentários

Pesquisar

Publicidade

 

 

Curta no Facebook

Arquivos do Blog