Governo – Pandemia não acabou
Sem categoria

São João com menos dinheiro e mais artistas pernambucanos


20150513171537655384uApenas artistas radicados em Pernambuco poderão participar da Convocatória do Ciclo Junino 2015, anunciou a Fudarpe, em parceria com a Secretaria de Turismo, Esporte e Lazer e Empetur, na manhã desta quarta-feira (13). O secretário de Cultura, Marcelino Granja, a presidente da Fundarpe, Márcia Souto, o secretário de Turismo, Felipe Carrera, e o presidente da Empetur, Luis Eduardo Antunes, se juntaram a vários artistas locais para o anúncio, realizado no Espaço Pasárgada.

Apesar dos cortes anunciados para o São João 2015 – o investimento direto é de R$ 8 milhões, menos que o ano passado, quando foram aplicados R$ 12 milhões – a novidade vem suavisar a preocupação dos forrozeiros a respeito da expectativa para os shows deste ano. “Em um ano de crise e de dificuldades financeiras, vamos priorizar os artistas de Pernambuco. Queremos garantir o papel do estado no circuito junino do Nordeste e fazer uma belíssima festa”, comentou o secretário Felipe Carreras. A expectativa é receber cerca de 400 mil visitantes neste período, considerando que a alta do dolar pode fortalecer o turismo interno. O objetivo é democratizar o acesso de artistas às festividades de Pernambuco, que serão atrações das festividades de Santo Antonio, São João e São Pedro.

As inscrições podem ser feitas até o próximo dia 25 de maio. Outras informações estão disponíveis no site www.cultura.pe.gov.br. Após o período de inscrições, as propostas serão analisadas por uma comissão de mérito. “Teremos uma comissão para tratar a questão do conteúdo, buscando valorizar o que faz parte do ciclo junino e ressaltar as tradições”, explica Márcia Souto, presidente da Fundarpe. “O trabalho do poder públco é o da inclusão de artistas na política cultural. O papel da comissão é garantir que todos os grupo com tradição participem da grade ”, completa. A lista de propostas habilitadas será anunciada no dia 9 de junho.

No ano passado, a secretaria apoiou mais de 300 apresentações distribuidas em 35 municípios, entre eles Mirandiba, Cabrobó, Camocim, Santa Cruz da Baixa Verde, Santa Cruz do Capibaribe, Itapetim, Moreno, Agrestina, Belém de São Francisco, Catende, São Lourenço, Saloá, Afogados da Ingazeira, Bonito, Parnamirim, Pesqueira, Salgueiro, Exu, Bezerros, e outras. Apenas as programações de Caruaru e Arcoverde serão a parte deste edital, com grade difinida a partir de convênios entre as prefeituras. Esses dois municípios ainda não sofrerão cortes de verbas em relação ao apoio do estado.

Elielson Lima 15 maio 2015 - 13:27m

Comentários

Pesquisar

Publicidade

 

Curta no Facebook

Arquivos do Blog