Novo Jaboatão
Copergás
Pcr – novo modelo
Gov – Plano de retomada
Impeachment Por 61 a 20, Senado aprova cassação do mandato de Dilma Rousseff

Por 61 a 20, Senado aprova cassação do mandato de Dilma Rousseff

Publicado em: 31/08/2016 - 13:41m

Acabou o período de treze anos do PT no comando do Brasil. O Senado aprovou, nesta quarta-feira (31), o impeachment da presidente afastada Dilma Rousseff. Foram 61 votos favoráveis e 20 contrários. Eram necessários 54 dos 81 senadores. O processo durou nove meses desde que o, à época (1 de dezembro de 2015), presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), aceitou o pedido protocolado pelos juristas Miguel Reale Jr, Hélio Bicudo e pela advogada Janaína Paschoal.
Nesta última fase do processo, o plenário do Senado, presidido pelo ministro do Supremo Tribunal Federal Ricardo Lewandowski, ouviu uma testemunha e um informante de acusação, duas testemunhas e um informante de defesa e a presidente cassada, além dos advogados de defesa e de acusação.

Dilma perdeu o mandato por ter cometido crime de responsabilidade com base em dois aspectos: 1) emissão, pela presidenta, de seis decretos de crédito suplementar em 2015 e 2) pedalada fiscal (operação de crédito que considera irregular) naquele mesmo ano.

O Senado votará ainda um destaque apresentado pela bancada do PT, que determina a votação, em separado, da perda dos direitos políticos de Dilma Rousseff.

Elielson Lima 31 ago 2016 - 13:41m

Comentários

Pesquisar

Publicidade

Publicidade _ Petrolina

Curta no Facebook

Publicidade

Arquivos do Blog