PCR – COVID
Governo de Pernambuco – Use máscara 1
Polícia Ex-governador do Rio, Anthony Garotinho é preso pela Polícia Federal

Ex-governador do Rio, Anthony Garotinho é preso pela Polícia Federal


A Justiça Eleitoral de Campos dos Goytacazes apontou compra de voto, associação criminosa e coação como motivos para pedir a prisão do ex-governador do Rio Anthony Garotinho. Ele foi preso na Operação Chequinho, nesta quarta-feira (16), e levado para a sede da PF no Rio. O ex-governador nega as acusações.

No mandado de prisão, assinado pelo juiz Glaucenir Silva de Oliveira, Garotinho é citado como o “protagonista” das práticas criminosas com outros indiciados. Ele exerceria inclusive uma dominação sobre a Câmara Municipal de Campos, onde é secretário de Governo municipal.

Se vislumbra o protagonismo e comando exercidos pelo réu na cadeia da associação criminosas com outros indiciados e/ou denunciados, sendo extreme de dúvidas sua dominação inclusive sobre o parlamento municipal, através de sua ascendência sobre os parlamentares”, diz a decisão.

A Operação Chequinho investiga um esquema de compra de votos nas eleições deste ano. Segundo o Ministério Público Estadual, em troca dos votos, um grupo político oferecia inscrições fraudulentas no programa Cheque Cidadão, que dá R$ 200 por mês a cada beneficiário. A iniciativa é semelhante ao Bolsa Família e foi criada para a população de baixa renda.

Elielson Lima 16 nov 2016 - 15:16m

Comentários

Pesquisar

Publicidade

 

 

Curta no Facebook

Arquivos do Blog