Governo de Pernambuco – ARBOVIROSES 2021 (COVID)
PCR – volta as aulas
Jaboatão – Nova Orla
Será que cai? TSE cassa mandato do governador de Amazonas e convoca nova eleição

TSE cassa mandato do governador de Amazonas e convoca nova eleição

Publicado em: 05/05/2017 - 1:21m

O Tribunal Superior Eleitoral cassou nesta quinta-feira (4) os mandatos do governador e do vice do Amazonas, e convocou novas eleições.

A maioria dos ministros entendeu que há provas de envolvimento do governador José Mello, do PROS, e do vice, Henrique Oliveira, do Solidariedade, na compra de votos nas eleições de 2014.

As denúncias contra o governador foram tema do Fantástico, em março de 2015. Entre as acusações, a reportagem mostrou os recibos dados por eleitores em troca da promessa de votar no governador.

Segundo a investigação, foram feitos pagamentos de aluguel de um salão de festas para uma formatura e até a reforma de um túmulo.

Por nota, o governador José Mello disse que considerou injusta a decisão do TSE. O advogado de defesa disse vai aguardar a publicação do acórdão para recorrer.

“São dois recursos cabíveis ainda contra essa decisão, mas a gente precisa ter o acórdão em mãos para saber qual recurso propor”, disse o advogado Yure Dantas.

O acórdão deve ser publicado pelo Tribunal Superior Eleitoral até a próxima semana. Depois disso, o TRE do Amazonas comunica ao governador e ao vice que eles devem deixar o cargo.

Quem assume é o atual presidente da Assembleia Legislativa, o deputado Davi Almeida, do PSD. Ele fica no cargo até a realização de novas eleições diretas determinadas pelo TSE para um mandato tampão. A data ainda não está definida, mas deverá ser divulgada no prazo de 20 a 40 dias.

O vice-governador, Henrique Oliveira, disse que recebeu com surpresa a decisão do TSE e que também vai recorrer.

 Do G1
Elielson Lima 05 maio 2017 - 1:21m

Comentários

Pesquisar

Publicidade

Publicidade _ Petrolina

Curta no Facebook

Publicidade

Arquivos do Blog