Novo PCR
Gov – Plano de retomada
Copergás
Novo Jaboatão
Justiça Por falta das testemunhas, audiência de instrução da Operação “Caça Fantasma” foi adiada

Por falta das testemunhas, audiência de instrução da Operação “Caça Fantasma” foi adiada

Publicado em: 05/07/2017 - 23:26m

Por falta das testemunhas de defesa, a audiência de instrução da Operação “Caça Fantasma” foi adiada, sem data prevista para acontecer. As três testemunhas não foram encontradas pelos oficias de justiça devido o endereço não ser compatível, explicou o juiz do caso, Dr. Rildo Vieira. Ele concedeu a defesa um prazo de cinco dias para atualizarem os endereços.

A audiência estava marcada para manhã desta quarta(5), para a ouvida das testemunhas. O processo trata de de possíveis práticas de estelionato, estelionato majorado, falsidade ideológica, peculato, crimes de abuso de autoridade e defraudação de penhor.

A primeira audiência foi realizada no dia 10 de fevereiro.

Fato Novo: O adiamento da audiência foi um tema de discursão entre os advogados dos acusados, Dr. Felipe Brito Alves – advogado de Fatima Maria Cardoso de Brito Alves Belo -, conseguiu que ela não seja mais ouvida, devido sua disponibilidade até o momento para prestar depoimento. Em entrevista, ele disse que também conseguiu exclui-la do processo de falso testemunho. O jurista ainda comentou que a prisão de sua cliente foi “ilegal”.

Elielson Lima 05 jul 2017 - 23:26m

Comentários

Pesquisar

Publicidade

Publicidade _ Petrolina

Curta no Facebook

Publicidade

Arquivos do Blog