Governo – Pandemia não acabou
Compesa
Coluna Coluna do Sabadão

Coluna do Sabadão


O recuo inexplicado de Marcelo Pascoal em Carpina

Com apenas 35 anos, Marcelo Pascoal (SD), coleciona um bom currículo na política. Foi o vereador mais votado quando disputou à Câmara, cortejado por todos os grupos à época permanece na base do prefeito Botafogo, sendo escolhido por este depois de consultar os números de pesquisas. Aliado de primeira hora do deputado federal Augusto Coutinho. Pascoal foi eleito junto na chapa do pedetista no pleito do ano passado, sendo peça fundamental no projeto que sagrou-se vitorioso.

No início da gestão, leia-se os primeiros meses, o vice desempenhou um trabalho excepcional, sobretudo na fiscalização da limpeza urbana. Deixando de lado aquele discurso que vice não faz nada! Sua entrega foi tão grande a gestão que começou a incomodar a oposição, que deferiu alguns discursos contra ele.

Depois de algum tempo, Marcelo começou um processo lento de recuo inexplicado, se afastou das atribuições da limpeza, depois começou a se ausentar dos eventos oficiais do Governo Municipal e até de atos políticos do grupo=

A última ausência notória do vice-prefeito foi no aniversário do gestor, comemorado no dia 7 de setembro. Não quero aqui dizer que estão rompidos, até porque ninguém levantou esse assunto, tampouco ele não falou nisso um momento. Mas na verdade há um afastamento claro e precisa de explicação. Poderá ser uma sinalização futura ou na verdade Marcelo está ausente mesmo! Até porque ele é empresário também… Com a palavra o vice-prefeito!

De olho em 2018 – O vereador de Nazaré, Luizinho de Dr. Luiz (PDT),  está processo de diálogo avançado com o deputado estadual Clodoaldo Magalhães (PSB), tudo se encaminha para o parlamentar levantar a bandeira do deputado em Nazaré da Mata. Além disso, têm dois federais e um deles é ministro, que está de olho no advogado para ter apoio na Mata Norte. E não para por aí!

Acabou o segundo turno?  Pode está apenas começando! O juiz eleitoral da 20ª Zona Eleitoral, Dr. Rildo Vieira , julgou improcedente a denúncia realizada pelo ex-prefeito da cidade de Carpina, Joaquim Lapa (PTB) para cassar a chapa Botafogo-Marcelo Pascoal por possível poder de abuso econômico e compra de votos. A falta de provas consistentes fundamental a decisão do magistrado. O petebista poderá recorrer da decisão. Enquanto isso, Botafogo continua no comando da cidade.

Rápidas

Na defesa da Imprensa – Ao usar a tribuna da Câmara de Vereadores do Carpina, na sessão passada, o vereador Diogo Prado (PCdoB), acredita que processos contra repórteres é tentativa de intimidar a imprensa. Os radialistas José Mailson e André Luiz são alvos de ações na justiça pelo vereador Antonio Resende (PP).

Milton e a Mata Norte – O secretário de Administração do Estado, Milton Coelho, já foi tema principal de uma coluna do nosso blog. Repito a dose, ele vai investir pesado na região da Mata Norte e vem conversando com diversas lideranças de cidades importantes. Tem ex-prefeito e segundo colocado no pleito que vem firmando passo com Coelho.

PT e PSB juntinhos – Caso se concretize a aliança entre pestistas e socialistas, a turma de Lula quer salvar três nomes na disputa: João Paulo, Humberto Costa e Luciano Duque, prefeito de Serra Talhada que deverá disputar uma vaga na Câmara Federal.

Lóssio revoltado – Depois de conversar com os Ferreiras, Lóssio sentou a mesa com Tadeu Alencar, Duque e Humberto, no prato principal as articulações para 2018. O ex-prefeito de Petrolina e arquirrival dos Coelho não quer ficar de fora do cenário.

Na telinha da TV – Hoje, ao meio dia, estarei no Programa do grande comunicador Samir Abou Hana na TV Nova Canal 22. Fique ligado, iremos fazer um balanço da política na Mata Norte e a movimentação em nível de Estado. Não perca!

Pinga-fogo: Quem vai coordenar o palanque de FBC na Mata Norte? 

Elielson Lima 09 set 2017 - 0:00m

Comentários

Compesa

Pesquisar

Publicidade

 

Curta no Facebook

Arquivos do Blog