Coluna Coluna da segunda: A saída para manter o PCdoB vivo

Coluna da segunda: A saída para manter o PCdoB vivo


A saída para manter o PCdoB vivo

Nas últimas semanas a presidente nacional do PCdoB e vice-governadora eleita de Pernambuco, Luciana Santos está numa verdadeira maratona entre São Paulo, Brasília e Pernambuco para tentar de forma sua sigla viva depois da criação da cláusula de desempenho que estabelece os critérios para que partidos tenham tempo de televisão (para propaganda partidária) e acesso ao fundo partidário (o dinheiro público que é repassado às legendas). Para ter direto, as siglas devem cumprir vários critérios, por número de deputados eleitos, ou por % de votos obtidos. Uma dos critérios é eleger no mínimo 9 deputados em nove estados diferentes.

O PCdoB conseguiu eleger 10 parlamentares para a próxima legislatura o grande problema da sigla é que os deputados foram eleitos em apenas sete estados diferentes a cláusula de desempenho obriga ser em nove estados separados. Deixando o famoso Partidão depois de 56 anos de fundação  fora da lista de partidos com acesso a tempo de propaganda e ao fundo partidário, justamente sob a presidência de Luciana Santos.

Até que arranjaram uma saída para que a sigla continuasse viva e em pleno vigor. Depois de muito diálogo e debates internos o PPL (Partido Pátria Livre), deixará de existir e se fundirá com o PCdoB, sem mudar nome nenhum, apenas os filiados desse quase extinto partido integrará as fileiras comunistas a partir de então. O PPL é oriundo do antigo MR8, que passou muito tempo no também antigo PMDB, e depois se tornou partido.

Por fim, o PCdoB caiu significativamente desde a eleição de 2014, segundo pesquisa, mais de 30% de queda no desempenho eleitoral. Em Pernambuco houve um pequeno acréscimo com a conquista da cadeira na Alepe com o ex-prefeito do Recife João Paulo e renovou sua única cadeira na Câmara Federal com o ex-prefeito de Olinda Renildo Calheiros. Além de emplacar Luciana Santos na vice de Paulo Câmara, como prêmio as articulações da sigla – leia-se Renildo Calheiros -, para minar a candidatura de Marília Arraes e levar o PT para o palanque do governador.

Salários – A reclamação dos salários atrasados da Prefeitura de Lagoa do Carro está muito grande. Segundo informações que está rodando o Estado, a gestão está com quase dois meses de salários vencidos e parece que já descartou o décimo terceiro dos contratados e comissionados.

Na disputa – Já tido como certo o nome de Vinicius Mendonça disputar a Prefeitura de Belo Jardim em 2020. O jovem político filho do ex-ministro e deputado Mendonça Filho foi terceiro colocado na cidade com 5.530 votos, atrás de Silvio Costa Filho e João Campos.

Agenda conjunta– Por falar em João Campos, o deputado federal eleito ontem apareceu ao lado do prefeito do Recife, Geraldo Júlio (PSB) para participar de missa e início das obras da Prefeitura em Jordão Alto. Para aliados, esse foi um gesto claro que na Secretaria das Cidades a agenda de João será praticamente no Recife de olho na eleição municipal.

Homenagem – A Câmara do Recife fará uma homenagem ao cantor e compositor pernambucano Alceu Valença com a mais alta comenda da Casa, a Medalha José Mariano. O requerimento foi proposto pelo vereador e deputado estadual eleito Wanderson Florêncio (PSC) e aprovado por unanimidade no plenário. O ato acontecerá em dezembro.

Rápidas

Novo – Integrantes do Partido Novo realizaram um ato no último sábado no centro de Carpina para apresentar a nova sigla e tentar conquistar filiados. O partido terá candidatos a vereador na cidade e se articulam para lançar um nome para disputar a Prefeitura.

Direitas rachadas – Os grupos de direitas na região estão pra lá de rachados. Enquanto a Direita Mata Norte tentar manter a sobrevivência com atos em eventos público um novo grupo intitulado Direita Carpina foi formado. Ambos eleitores do candidato do PSL querem levar o saldo da eleição dele na cidade.

Alinhado – Mal assumiu a cadeira de vereador de Carpina, Marcinho do Pastel já participou neste final de semana de plenário do PCdoB na cidade de Caruaru, no Agreste. Depois do partido pedir judicialmente o mandato de Diogo Prado por infidelidade partidária, Marcinho que assumiu a cadeira está muito alinhado com a sigla.

Repercutiu – A entrevista do deputado estadual eleito Gustavo Gouveia (DEM) ao Blog repercutiu muito no meio político e entre nossos eleitores. Além dos milhares de acessos, as palavras afiadas do deputado com o prefeito de Carpina chamou a atenção. Isso ainda terá muitos capítulos pela frente!

Pinga-fogo: Será que o efeito Bolsonaro chegará as eleições municipais de 2020? 

Elielson Lima 26 nov 2018 - 0:00m

Comentários

Pesquisar

Curta no Facebook

Publicidade


 

 

Arquivos do Blog