Remax
Escola Internacional
Coluna Coluna do sábado: Um secretariado com o jeito e a cara de Paulo

Coluna do sábado: Um secretariado com o jeito e a cara de Paulo


Um secretariado com o jeito e a cara de Paulo

Depois de muitas especulações, boatos e indagações de como seria esse novo secretariado. Eis que Paulo Câmara quebra o mistério e anuncia o time que estará come ele a partir de primeiro de janeiro.

Os desafios foram vários para montar essa lista. Conciliar a articulação política, massagear egos ao mesmo tempo diminuir os arranhões. Não é uma tarefa fácil escolher nomes para o primeiro escalão, sobretudo num momento de mudança de Governo Federal e uma Assembleia renovada.

Um dos fatos interessantes nesse anúncio foi a falta de convocar deputados federais frustando projetos de alguns de exerceu – mesmo que parcialmente- o mandato em Brasília. Destaque para a permanência de Fred Amâncio na Educação que vem dando muito certo; Antônio de Pádua na SDS e o retorno de Nilton Mota na Casa Civil que demonstrou desprendimento ao abdicar da reeleição com um mandato certo.

Depois merece atenção o papel que o prefeito Geraldo Julio desempenhou ao indicar nomes do seu próprio secretariado para o estadual. Demonstração de interlocução que o prefeito do Recife tem o governador.

Por fim, ficou claro que Paulo Câmara vai cumprir o que prometeu a alguns que fará um Governo com seu jeito a partir de janeiro. Essa lista mostrou aquilo que prevíamos nas colunas passadas, um governador que governará imprimindo sua marcas pessoais. Deixando cada vez mais no passado as digitais de Eduardo!

Firme e forte – Depois de boatos que deixaria a base do Governo, o deputado federal e presidente do PSD de Pernambuco enviou uma nota deixando claro que continua com Paulo. Essa especulação cresceu depois da retirada dos membros do seu grupo do primeiro escalão e ter anunciado Rodrigo Novaes para o Turismo.

Meio Ambiente – De última hora, o Palácio veio oferecer a Secretaria de Meio Ambiente para o Partido Progressista que de pronto recusou. Restou para Paulo nomear a própria vice-governadora Luciana Santos para deixar livre os cargos do PCdoB na Cultura.

Confiança – Depois de ser secretário de Administração no primeiro governo Paulo, Milton Coelho comandará a Chefia de Gabinete a partir do próximo ano. É um cargo de extrema confiança e tato político que Coelho vai tirar de letra.

Rápidas

Carpina – Os comentários que correm nos bastidores é que a professora Zélia Santana foi rifada para assumir a pasta da Educação depois de desentendimento com membros da gestão. O nome da educadora era dado como certo para substituir Milca Maria.

Ipojuca – Por falar em Educação, a prefeita Célia Sales realizou uma troca no comando da Educação de sua cidade. Sai o professor Noberto Junior para o ingresso de Chico Amorim que já tem larga experiência no comando da pasta em outras cidades.

Repercussão – A coluna da quinta que trouxe como tema principal a possibilidade do empresário Doda Soares concorrer a Prefeitura de Carpina em 2020 repercutiu muito no meio político. Na confraternização dos deputados com a imprensa foi um dos pratos principais.

Pinga-fogo: Como será que o Palácio vai absolver Kaio Maniçoba?

Elielson Lima 29 dez 2018 - 0:18m

Comentários

Pesquisar

Curta no Facebook

Publicidade

 

 

Arquivos do Blog