Governo PE – Universidade
Prefeitura de Jaboatão
Governo PE – Prevenção
Contas Coluna da terça: Prorrogação do mandato poderá ficar mais uma vez nos sonhos

Coluna da terça: Prorrogação do mandato poderá ficar mais uma vez nos sonhos


Todas as vezes que se aproxima as eleições municipais sempre reacende a tentativa de estender os mandatos e realizarem um pleito geral de vereador a presidente da República.

Este ano não foi diferente, o deputado Valternir Pereira (MDB) apresentou à Comissão de Constituição e Justiça da Câmara Federal parecer favorável à prorrogação dos atuais mandatos de prefeitos e vereadores. A PEC 376/2009 prevê a coincidência das eleições gerais no Brasil, levando para 2022 o mandato de prefeitos e vereadores que ora estão no exercício do cargo.

Existem, portanto, dois grandes desafios passar na CCJ (Comissão de Constituição e Justiça), que nessa altura do campeonato só pensa na Reforma Previdência, não há sequer prazo para que essa matéria entre na pauta, para depois disso ir ao plenário. O segundo grande desafio, para anular a eleição de 2020 isso tudo tem que acontecer antes de outubro deste ano, como prevê a lei eleitoral qualquer modificação tem que ser uma ano antes do pleito.

Esse foi um dos temas abordados ontem durante reunião da bancada federal com os prefeitos e vereadores na sede da Amupe. A expectativa dos mandatários era grande para que o projeto passasse.

Um parlamentar confidenciou que esse projeto não tem votos suficientes para ser aprovado tanto na CCJ quanto no plenário. Com isso, a prorrogação dos mandatos dos vereadores e prefeitos ficarão apenas nos sonhos.

CONTAS – Após serem cumpridos todos os prazos regimentais e com o envio da defesa só resta agora o presidente da Câmara de Vereadores do Carpina, vereador Bila (PDT) marcar a data para julgarem as contas do ex-prefeito Carlinhos do Moinho (PSB). A expectativa que acontece ainda esse semestre.

CONTAS (PARTE 2) – Por falar em contas, a cidade de Goiana, RMR, vai parar hoje para acompanhar o julgamento das contas do ex-prefeito da cidade, Beto Gadelha. A expectativa é grande, pois ele poderá ficar inelegível e sair do páreo!

REPOSTA – Depois da chiadeira da Oposição por está usando a máquina para fazer campanha, o deputado João Campos disse que ‘eu faço política nas ruas”. E acrescentou, “não posso me limitar a reuniões fechadas, mas isso incomoda muita gente da oposição porque eles estão acostumados a fazer política dessa maneira”, cravou. Não tem uma semana que o herdeiro de Eduardo não faça uma visita a um bairro do Recife.

FUNDAJ – O advogado e irmão de Eduardo Campos, Antônio Campos poderá assumir a Fundação Joaquim Nabuco. Seu nome está sendo ventilado pelo Palácio do Planalto, o cargo é ocupado atualmente por Alfredo Bertini.

RÁPIDAS

AGENDA – O prefeito de Limoeiro, Joãozinho (PSB) embarcou ontem para a Brasília. Segundo sua assessoria, ele está na capital federal com o objetivo de trazer mais recursos para sua cidade.

COMUNICAÇÃO – A assessoria de comunicação do deputado estadual William Brigido está dando um show. Lançaram um jornal com um balanço dos 100 dias do mandato. A impressão que dar é que o parlamentar nem teve final de semana, nem feriado!

LUTO – Morreu no último domingo aos 62 anos, o agricultor e ex-vice-prefeito de Bom Jardim, Orlando Pereira Barbosa, 62 anos. Ele estava internado no Hospital Getúlio Vargas, na capital pernambucana.

PINGA-FOGO: As contas de Beto Gadelha será aprovada ou rejeitada?

Elielson Lima 14 maio 2019 - 0:00m

Comentários

Pesquisar

Curta no Facebook

Publicidade

 

Arquivos do Blog