Jaboatão – Anti-rábica
Governo – Emprego
PCR – Recife Virado
De olho na eleição “O candidato sairá do PSDB”, afirma Edson Vieira sobre sucessão em 2020

“O candidato sairá do PSDB”, afirma Edson Vieira sobre sucessão em 2020

Publicado em: 16/07/2019 - 13:40m

Durante entrevista ao programa Cidade em Foco da Rede Agreste de Rádios, o prefeito de Santa Cruz do Capibaribe, Edson Vieira (PSDB), voltou a criticar o descaso do Governo Paulo Câmara para com a sua cidade, além disso, o prefeito comentou a atuação da deputada estadual Alessandra Vieira e avaliou as articulações em torno de sua sucessão na cidade.Edson não poupou críticas ao Governo do Estado, que de acordo com ele deve mais de 5 milhões de reais para a saúde pública do município.

Além disso, o prefeito destacou atrasos em parcelas do Fundo de Apoio aos Municípios (FEM), de recursos para a UPA 24 hs e citou os transtornos em torno da interdição da “Ponte Velha” que segundo o mesmo é de responsabilidade do Estado.Diante do descaso do Governo Estadual, o prefeito destacou que tem ido em busca de investimentos para a cidade e que conseguiu 2 milhões em emendas com o deputado federal Fernando Filho (DEM) para a saúde da cidade. Além disso, o prefeito aproveitou para relembrar como era a saúde no período em que a cidade foi governada pela oposição. “Bom era na saúde no tempo que era Zé Augusto e Toinho, que aqui o Hospital era uma rodoviária e no cadeado. Quem não lembra? Agora nós fizemos AMEs, seis PSF’s, UPA, Laboratório, compramos ambulâncias”, disse.

Alessandra – Durante a entrevista, Edson destacou o trabalho da sua esposa e deputada estadual Alessandra Vieira, que tem tido avaliação positiva nos seus primeiros seis meses de atuação na Assembleia Legislativa. O prefeito destacou que Alessandra tem mérito próprios, é bem assessorada e tem caminhado com a suas próprias pernas. “A gente teve a felicidade de apoiar Alessandra, ela teve quase 50 mil votos e a gente teve a colaboração nossa. Mas Alessandra é uma pessoa que está caminhando com suas próprias pernas”, disse.Ao falar sobre o seu partido, o PSDB, que recentemente passou a ser comandado no estado por Alessandra Vieira, ele confirmou o objetivo de fazer o partido crescer e disse que já convidou o prefeito de Petrolina, Miguel Coelho, para se filiar a legenda. “Miguel está convidado para vir para o PSDB. Vamos trabalhar! O partido não se faz só. Raquel Lyra é a secretária-geral do partido, Joaquim Neto é o tesoureiro e a gente vai trabalhar para crescer”, disse.

2020 – Questionado a respeito das articulações do seu grupo visando as eleições de 2020, o prefeito ponderou que ainda não é o momento de definir o nome do grupo que buscará a sua sucessão. “Estamos trabalhando, vamos focar neste segundo semestre para que a gente entre em 2020 com a definição do nosso candidato. Ninguém vai definir candidato agora”, afirmou.Entretanto, o prefeito foi taxativo ao afirmar que o candidato escolhido pelo grupo boca-preta sairá do PSDB. “O candidato sairá do PSDB, como acredito que o candidato da oposição saia do PSB”, avaliou.

Se ligue – O programa “Cidade em Foco” vai ao ar de segunda a sexta-feira: 11:00 hs, na Rede Agreste de Rádios, composta pelas Emissoras: Rádio Filadélfia FM (104,9), Farol FM (90,5), Rádio Vale FM (91.7), Rádio Cambucá FM e pela Internet:www.filadelfiafm.net

Elielson Lima 16 jul 2019 - 13:40m

Comentários

Pesquisar

Publicidade

Curta no Facebook

Publicidade

Arquivos do Blog