PCR – Cred Pop
GOVERNO DE PE – USO DE MÁSCARA (REFORÇO 2021) – COVID 19
Jaboatão – Aniversário
Coluna Coluna da quarta | As eleições de Paudalho e Carpina se transformaram em uma só

Coluna da quarta | As eleições de Paudalho e Carpina se transformaram em uma só


O clima pré-campanha nas cidades do Paudalho e Carpina, na Mata Norte, esta fervendo. A relação histórica entre as cidades é de mãe e filha, Carpina se emancipou de Paudalho e Nazaré. E na política o acirramento entre ambas sempre existiu é quase uma questão cultural.

Um novo fenômeno vem acontecendo às vésperas do pleito do próximo ano, os limites entre os municípios estão sendo colocado de lado e os principais atores políticos estão formando novos grupos. Tudo começou quando o prefeito de Paudalho, Marcelo Gouveia (PSD) e seu irmão, deputado Gustavo Gouveia (DEM) anunciaram o apoio formal a pré-candidatura de Joaquim Lapa (PTB) para prefeito. Além de usaram os meios de comunicação para desfilarem críticas a gestão atual.

Diante disso, o prefeito de Carpina, Manuel Botafogo (PDT) que vai para reeleição entendeu a movimentação como uma ‘afronta’ e nos últimos dias vem gravando vídeos e fazendo publicações nas redes sociais lançando candidatos a vereadores em Paudalho alfinetando os atuais e criticando o prefeito. Em um dos vídeos, ele que vai pedir voto para o pré-candidato Victor Pereira (PSB), filho do ex-prefeito José Pereira.

Algumas coisas precisam ser recordadas, em 2012, Eufrásio Filho esteve no palanque de Botafogo em Carpina pedindo votos para Júnior – então candidato do prefeito. Pereira e Botafogo sempre trocaram farpas em diversas entrevistas. Mas, como a política é dinâmica! Tudo isso foi colocado de lado e parafraseando o ex-presidente Lula: nunca antes na história da região, a eleição de Paudalho terá uma interferência de lideranças de Carpina e vice-versa, ao ponto de parecer uma só!

COADJUVANTE – Com a polarização forte entre Joaquim e Botafogo, o nome do ex-vereador Diogo Prado (PSC) praticamente esfriou na cidade. Ele ensaiou uma candidatura majoritária e parece que vai sobrar ou uma candidatura a vice ou voltar a vereança.

PAULISTA (Parte 1) – O pré-candidato a prefeito de Paulista, Francisco Padilha está numa agenda pesada visitando todas os bairros do município. A receptividade com o recém-chegado a política é impressionante. Ele já fala e age como um político experiente. Parece que Júnior Matuto acertou ao tirar esse coelho da cartola.

PAULISTA (Parte 2) – O ex-prefeito Yves Ribeiro se encontrou essa semana com o presidente estadual do MDB, deputado Raul Henry para acertar os detalhes do seu ingresso na sigla. Uma fonte revelou que ele vai fazer um grande ato de filiação em janeiro e será também o start de sua pré-campanha na cidade.

SONHO DE CONSUMO – O Partido Cidadania se transformou na sigla dos sonhos para quem pretende chegar a Câmara de Vereadores da cidade. A legenda tem grande chance de eleger três vereadores no pleito de 2020 na na base de Padilha. Lembrando que o deputado Daniel Coelho sempre foi bem votado na cidade.

RÁPIDAS

DE VOLTA AO BATENTE – O deputado estadual Antônio Moraes (PP) voltou, ontem, aos sessões ordinárias da Assembleia Legislativa após se recuperar de uma cirurgia que fez no pé. Ainda de muletas, o progressistas estava esbanjando vitalidade.

RIFADO – Após ter seu nome especulado por este Blog para ingressar no MDB, o vice-prefeito de Limoeiro, Marcelo Mota sofreu um golpe do mestre do prefeito Joãozinho que correu por fora e garantiu a legenda em seu palanque. Mota terá que procurar outro abrigo se quiser mesmo disputar o pleito.

PINGA-FOGO: Quem vai sair mais fortalecido no embate eleitoral entre os grupos de Carpina e Paudalho?

Elielson Lima 20 nov 2019 - 0:03m

Comentários

Pesquisar

Publicidade

Publicidade – Olinda

Publicidade – Alepe

Publicidade

Curta no Facebook

Arquivos do Blog