Governo – Pandemia não acabou
Dando exemplo André Ferreira faz apelo para que líderes religiosos possam ir aos templos no lockdown para cultos online

André Ferreira faz apelo para que líderes religiosos possam ir aos templos no lockdown para cultos online


Diante das restrições severas ao deslocamento anunciadas pelo Governo do Estado para cinco município pernambucanos, o deputado federal André Ferreira (PSC) faz um apelo ao governador Paulo Câmara para que ele inclua entre as atividades essenciais neste período o trabalho dos líderes religiosos.

Dizendo entender que as medidas adotadas pelo Governo são importantes para evitar a propagação do coronavírus, o parlamentar acrescenta que não se trata de abrir templos evangélicos ou igrejas católicas ao público. Mas, sim, uma autorização para que líderes de todas as religiões possam continuar a realizar os seus cultos online e os trabalhos sociais.

“Em um momento de angústia, desesperança e medo, como o que estamos vivendo, é necessária uma palavra de conforto para as pessoas que já estão há 60 dias dentro de suas casas. E é isso que peço ao governador Paulo Câmara, que permita que os líderes religiosos levem paz e sossego, nos seus cultos online, neste momento tão difícil”, afirmou André Ferreira.

O deputado lembra que em outros locais que enfrentam o isolamento rigoroso as atividades religiosas foram mantidas como essenciais. É o caso do Amazonas, em que a Assembleia Legislativa aprovou, no dia 6, um projeto nesse sentido.

Ou também em Fortaleza, onde a Prefeitura autorizou que os líderes religiosos continuem dando suporte espiritual às pessoas por meio de transmissões virtuais de serviços religiosos. Mas sempre seguindo as recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS) e Ministério da Saúde de que não haja culto presencial.

“A igreja é um dos pilares da ordem social e os religiosos estão orando para que esse mal passe logo. Por isso é importante que esse trabalho continue no período de isolamento mais rigoroso. Todos os cuidados estão sendo tomados durante os cultos. As equipes foram reduzida e estão seguindo as determinações dos órgãos de saúde. Então apelo à sensibilidade do governador para que permita o deslocamento aos templos dos religiosos e suas equipes, para que os cultos online não sejam interrompidos”, ponderou André.

Elielson Lima 12 maio 2020 - 13:31m

Comentários

Pesquisar

Publicidade

 

Curta no Facebook

Arquivos do Blog