Novo Jaboatão
Novo PCR
Copergás
Gov – Plano de retomada
Coluna Coluna da quinta | Oposição briga entre si pelo voto bolsonarista

Coluna da quinta | Oposição briga entre si pelo voto bolsonarista

Publicado em: 17/09/2020 - 0:06m

Em 2018, o então candidato a presidente da república, Jair Messias Bolsonaro venceu a eleição no primeiro turno, no Recife com 43% dos votos válidos. E no segundo tempo ficou ligeiramente atrás de Haddad.

Nós últimos meses, o presidente conseguiu melhorar sua imagem diante do eleitor nordestino ampliando consideravelmente sua aprovação. De olho nesse patrimônio eleitoral, três nomes da oposição brigam para garantir a pecha de candidato de Bolsonaro.

O coronel Feitosa ressalta sua amizade com o capitão desde a década de 90, o ex-ministro Mendonça Filho já se reuniu com nove ministros para se vincular ao governo, além de lançar jingle colando sua imagem a do presidente. E para finalizar, Marco Aurélio disse que foi o único que fez campanha nós dois turno para Bolsonaro e ataca os outros dois candidatos, um por ter sido da base do PSB e o outro por ter se movimentando a favor da pauta LBGTi, contrariando a direita.

Enquanto eles brigam, os candidatos ditos de esquerda estão correndo solto para pedir votos.

CONVENÇÃO (Parte 1) – Na convenção do PT, o visual ficou bom, a temática também, mas quem não se saiu tão foi a candidata. Marília preferiu improvisar, não sei se por emoção ou nervosismo, fez um discurso pequeno para o tamanho do cargo que vai disputar. Ficou como tivesse faltado alguma coisa.

CONVENÇÃO (Parte 2) – Daniel Coelho robou a cena na convenção da Delegada Patrícia Domingos (Podemos). Ele apontou os problemas da cidade e fez uma defesa antecipada: “Dizer que Patrícia não pode ser prefeita por ter nascido no Rio, é xenofobia. É machismo. Quem julgava as pessoas pela raça e local onde nasciam era Hitler”, disse Coelho.

CLÁSSICO – Com a junção da oposição em torno da candidatura de Padre Joselito (PSB) para prefeito com Darita (PSC) na vice a eleição em Gravatá promete ser um clássico dos clássicos. O prefeito Joaquim Neto (PSDB) terá que suar a camisa se sonha em continuar governando a cidade por mais um mandato.

RÁPIDAS

SEM VICE – Um fato inusitado aconteceu em Goiana, após oficializar a candidatura de Eduardo Honório para prefeito, o grupo de Osvaldinho encerrou a convenção sem vice. Prometeu dizer no dia 26.

CHÃ DE ALEGRIA – Tanto a Oposição com Claudio Honório quanto a situação com o prefeito Tarcisio Massena realizaram suas convenções ontem.

Pinga-fogo: Sobrou algum candidato contra Raquel Lyra em Caruaru ?

Elielson Lima 17 set 2020 - 0:06m

Comentários

Pesquisar

Publicidade

Publicidade _ Petrolina

Curta no Facebook

Publicidade

Arquivos do Blog