Governo de Pernambuco – Use máscara 1
Coluna Coluna da quinta | Recife poderá repetir a polarização nacional da esquerda versus direita

Coluna da quinta | Recife poderá repetir a polarização nacional da esquerda versus direita


Os números das pesquisas e o sentimento nas ruas apontam que a eleição deste ano no Recife terá mais uma vez um tom nacional e a polarização esquerda versus direita da campanha presidencial será reeditada.

Com uma penca de candidatos no campo centro-direita, a desunião favorece quem tem mais estrutura, neste caso aparentemente, o ex-ministro Mendonça Filho (DEM). Que além de ter um partido forte com fundo eleitoral robusto, tem recall entre os candidatos ditos conservador por ter disputado inúmeras eleições majoritárias.

Já a esquerda, tem dois nomes, João Campos (PSB) e Marília Arraes (PT). Essa última está sozinha e conta com os torpedos de fogo amigo o tempo todo. O PT em Pernambuco se transformou num verdadeiro campo minado para a ela. Do outro lado, João Campos tem a força da imagem de ser filho de Eduardo Campos, tem “time” – como ele gosta de dizer e o grupo achou o caminho das pedras para fazer eleição. Sem falar que entre todos os candidatos é o que tem mais estrutura isso pesa no final das contas.

Por esse e outros fatores, o voto da “vibração” estará muito presente neste pleito e a polarização nacional entre esquerda e direita vivida por Haddad e Bolsonaro poderá ser replicada em nível local. Lembrando que mesmo o presidente ter ganhado em Recife no primeiro turno de 18, a eleição é completamente diferente. Só um fator poderá deixar a direita de fora do eventual segundo turno, a falta de unidade em torno de um único nome.

VÍDEOS EM ALTA – Os dois principais candidatos a prefeito de Carpina, Manuel Botafogo (PDT) e Joaquim Lapa (PTB) estão apostando pesado na comunicação nas redes sociais. Ontem, ambos lançaram vídeos para bater no adversário. Botafogo apostou na saúde como bandeira contra Lapa, enquanto Joaquim investiu no discurso para atrair o voto da juventude.

PTB NA ELEIÇÃO – Na expectativa do presidente estadual do PTB, José Humberto a sigla fará cerca de 20 prefeitos em Pernambuco. As candidaturas em Ipojuca, Nazaré da Mata, Igarassu estão na lista dos petebistas.

TRATOR – A informação que a Coluna obteve é que o prefeito de Tracunhaém, Berlamino Vasquez está fazendo campanha o dia inteiro. “Nem quando ele foi candidato era assim. Se transformou num verdadeiro trator”, revelou um assessor próximo.

RÁPIDAS

ITAPISSUMA – Em todas as pesquisas internas o prefeito Zé de Irmã Teca (PSD) aparece muito bem na disputa pela reeleição. A escolha da vice, o recuo de Cal Volia e apoio incondicional dos deputados André de Paula e Eriberto Medeiros consolidaram esse processo.

CARGA TOTAL – No Paulista, o prefeito Júnior Matuto está com a carga toda para eleger seu ex-chefe de gabine, Francisco Padilha. Matuto tem o sonho maior e sabe que para que isso se concretize tem que vencer em casa.

PESQUEIRA – Candidato a prefeito, Cacique Marcos Xucuru vem num ritmo de campanha muito intenso na cidade desde o ano passado, além de está com um discurso de inovação. Se ganhar, ele será um dos poucos, ou talvez o único líder indígena no comando de uma Prefeitura no País.

PINGA-FOGO: Como virão os números do Datafolha de hoje?

Elielson Lima 08 out 2020 - 0:00m

Comentários

Pesquisar

Publicidade

 

 

Curta no Facebook

Arquivos do Blog