Campanha – Governo de PE – 130 mil empregos novo
Prefeitura de Jaboatão
Coluna Coluna da segunda| João Campos vence e garante seu lugar na história

Coluna da segunda| João Campos vence e garante seu lugar na história

Publicado em: 30/11/2020 - 0:01m

A maiúscula vitória de João Campos (PSB) para prefeito do Recife com 56,27% dos válidos projeta seu nome história da politica pernambucana. Primeiro, por ser o mais jovem a ocupar este posto. Depois por vencer o pleito mais atípico e sem precedentes, inclusive batendo de frente com o PT. Além de ter que driblar a fadiga do seu partido, o PSB, de estar no governo desde 2007 e na Prefeitura desde 2013. 

João reserva já figura nas páginas da história por ter sido o deputado federal mais votado da história em 2018, ultrapassando seu bisavô Miguel Arraes e sua avó Ana Arraes.  Agora se consolida ainda mais quase que repetindo a votação de deputado ao se sagrar o prefeito mais jovem entre as capitais.

Com ele também nasce uma nova Frente Popular, oxigenada, jovem e que consegue ser o novo do novo. Um feito quase que homérico de se reinventar, isso se deve ao gesto dos antigos em passar a batuta para os jovens quadros ocuparem lugares de destaque na campanha. 

Por isso, a gestão que começa no dia 1º de janeiro terá uma missão triplicada para alimentar essa mudança dentro do próprio grupo e mostrar ao recifense e ao povo de Pernambuco que o ritmo agora é outro. 

SETE… – Com a vitória no Paulista, Yves Ribeiro (MDB) entra para o status de político que mais governou uma cidade. Só em Paulista essa é a terceira vez que ele vai tocar a gestão. A vitória de Yves derruba de vez a força de Júnior Matuto na cidade. “Sou mais que o Náutico”, brinca ao conversa com a coluna. 

…VEZES – A eleição de João confirma a sétima vitória consecutiva do PSB. Foram duas de Eduardo, duas de Paulo, mais duas de Geraldo e agora João. Os socialistas se transformaram em especialistas em eleição. 

OPOSIÇÃO – Em seu discurso, após a derrota, Marília Arraes (PT) mostrou que sentiu as pancadas da campanha no segundo turno após passar incólume pelo 1º turno. Marília obteve 348.126 votos, o que representa 43,73% dos votos válidos. Ela  prometeu um novo alinhamento da Oposição no Estado numa espécie de antecipação de 22.

MÃO NA MASSA – Fora do PSB, três deputados federais formam fundamentais na campanha de João. São eles: André de Paula, Augusto Coutinho e Silvio Costa Filho. Eles chamaram a atenção pela maneira que abraçaram a campanha do prefeito eleito.

RÁPIDAS 

SUPLENTE QUALIFICADO – Ao deixar a titularidade do mandato por causa da vitória, João entrega a Milton Coelho o assento no Congresso Nacional. A bancada pernambucana ganha muito com essa chegada. 

AUTOCRÍTICA – Sem conquistar nenhum comando de nenhuma capital, o PT mostra que essa estratégia de se manter hegemônico não funciona mais. Lula e companhia terá que rever tudo ou quase tudo, inclusive uma realinhamento com outros partidos. 

GOSTO DA VITÓRIA – Depois de sucessivas derrotas na Oposição, Silvio Costa e Silvinho voltaram a sentir o gosto da vitória após regressar a Frente Popular. Eles foram criticados por ex-aliados e agora mostraram que fizeram o movimento certo.

PINGA-FOGO: Quem foi o maior derrotado da Oposição?

Elielson Lima 30 nov 2020 - 0:01m

Comentários

Pesquisar

Publicidade

Curta no Facebook

Publicidade

Arquivos do Blog