Governo – Pandemia não acabou
Compesa
Coluna Coluna da terça | A missão de João Campos no segundo turno

Coluna da terça | A missão de João Campos no segundo turno


Com duas candidaturas no campo da esquerda, o candidato do PSB, João Campos terá algumas tarefas a cumprir nesse segundo tempo da eleição.

A primeira é consolidar seu eleitorado do primeiro turno. Depois correr atrás do voto de Mendonça Filho que ideologicamente não vota no PT, além de tentar conquistar eleitores petistas insatisfeitos. 

Um outro universo que João deve apostar é o eleitorado anti-petista, mesmo sendo filiado ao PSB que é um partido de esquerda, a sigla de Lula tem um desgaste natural na cabeça do eleitor. 

Por fim, para sacramentar a vitória no dia 29, o candidato do PSB ainda terá a última missão: criar um clima que incentive o eleitor que não foi votar, comparecer agora na urna. Não são tarefas fáceis, mas também não são impossíveis. 

OMISSÃO – Optar em não declarar apoio a ninguém no segundo turno é uma decisão política natural por parte do ex-ministro Mendonça Filho (DEM). O que chamou mais atenção foi a atitude de dizer que não vai comparecer às urnas. Essa omissão não poderia partir de um agente político do tamanho de Mendonça, pegou muito mal!

OMISSÃO (PARTE 2) – Quem também optou em ficar neutra no segundo turno, foi a delegada Patrícia Domingos. Com mais de 140 mil votos, ela saiu grande da primeira eleição que disputou. Por outro lado, seu partido se encaminha para declarar It a Marília Arraes. 

FIEL DA BALANÇA  – Com o segundo turno consolidado entre Yves e Padilha, muitos agora esperam como o ex-candidato Ramos vai se posicionar. Ele poderá se tornar o fiel da balança na eleição do Paulista. 

RÁPIDAS 

ABRIU A PORTEIRA – Após eleger 10 dos 17 vereadores de Carpina, o prefeito Botafogo sinalizou para os eleitos no palanque da oposição. “Quem quiser vim, venha! Estou aqui para acolher”, disse o prefeito. 

TIROU DO 2º TURNO – Um aliado de Mendonça culpou o deputado Daniel Coelho pela falta de unidade da oposição, “foi isso que tirou Mendonça do segundo turno. Ele (Daniel) deu vida a delegada que ela não teria sozinha”, avaliou. 

PAUDALHO – Ângela Coutinho se consolida como a nova liderança da Oposição em Paudalho. Ela ficou em segundo lugar na eleição com mais votos que o filho do ex-prefeito Pereira. 

PINGA-FOGO: Para quem Armando Monteiro vai declarar voto hoje?

Elielson Lima 17 nov 2020 - 7:32m

Comentários

Compesa

Pesquisar

Publicidade

 

Curta no Facebook

Arquivos do Blog