Governo – Pandemia não acabou
Cabo
Coronavírus João Campos comanda primeira reunião com Comitê de Vacina

João Campos comanda primeira reunião com Comitê de Vacina


Prefeito eleito reuniu, nesta quinta-feira (17/12), especialistas para iniciar o construção do planejamento do processo de imunização da população recifense contra o novo coronavírus

Com o objetivo de garantir o melhor e mais eficiente processo de vacinação contra o novo coronavírus no Recife, o prefeito eleito João Campos comandou, nesta quinta-feira (17/12), a primeira reunião do Comitê Técnico-científico de Vacina do município, com a participação de pesquisadores e pesquisadoras com reconhecida expertise na área. Na ocasião, João destacou a necessidade de a capital pernambucana largar na frente na elaboração de uma proposta própria constituída em harmonia com o PNI, Programa Nacional de Imunização, porém apresentando alternativas que assegurem uma escala de vacinação com o maior alcance e no menor tempo possível. O encontro ocorreu de maneira híbrida, com parte dos integrantes do grupo participando presencialmente, no Escritório de Transição, e outro bloco de forma remota. 

“Tomamos a decisão de iniciar a discussão e o planejamento de imunização da nossa população antes mesmo do começo da nossa gestão porque entendemos que precisamos estar prontos e com as melhores condições para garantir, já de agora, o cumprimento de todas as etapas que um processo de vacinação como esse necessita para ser o mais eficiente. E a melhor forma de assegurar isso é ouvindo a ciência, quem pesquisa e tem experiência para adotarmos as medidas ideais e tomarmos decisões certas que podem ser determinantes para chegarmos ao resultado que queremos”, apontou João Campos.

Integram o Comitê Técnico-científico de Vacina o ex-ministro de Ciência e Tecnologia Sérgio Rezende;  a médica epidemiologista, PhD em Saúde Pública, pesquisadora da Fiocruz-PE, Fátima Militão; o PhD em Biologia Molecular, pesquisador da Fiocruz-PE, Rafael Dhalia; o professor da FPS e pesquisador na área de vacinas há 30 anos, Eduardo Jorge; a coordenadora do Centro de Referência de Imunobiológicos Especiais de PE, Maria Angela Wanderley Rocha; e o Infectologista e Doutor em Medicina Tropical, Paulo Sérgio Araujo. Todos são voluntários e sem qualquer ligação política ou administrativa com a Prefeitura do Recife.

Estão entre os indicativos que serão elaboradores pelo comitê o planejamento para aquisição de insumos: seringas, agulhas, algodão, entre outros; montagem de equipes e treinamento; definição dos locais para estocar e para aplicação da vacina de maneira descentralizada; avaliação científica das vacinas candidatas e análise de alternativas de aquisição direta pelo município.

“A aquisição da vacina é um item de um plano, mas todo um dever de casa deve ser feito para quando a vacina estiver em nosso território e em nossa posse a gente tenha como utilizá-la da melhor forma”, frisou João Campos, agradecendo a disposição dos pesquisadores e pesquisadoras em colaborar com a cidade em um momento tão complexo. O prefeito eleito ainda estabeleceu, em acordo com os integrantes do comitê, a formatação, nas próximas três semanas de, de um primeiro modelo de atuação recifense frente ao processo de imunização.

Fotos: Diego Nigro

Elielson Lima 17 dez 2020 - 19:06m

Comentários

Escola internacional Novo

Pesquisar

Publicidade

Curta no Facebook

Arquivos do Blog